(41) 3242.4089 contato@labadeetour.com.br

Contos de Viagem: encontros e desencontros nos Estados Unidos e no Canadá

Quem disse que os Contos de Viagem não podem ter relatos engraçados também? Um exemplo é a experiência que a Leninha Campos teve ao viajar com a família para os Estados Unidos e para o Canadá no Natal e Réveillon de 1996. Confira:

Minha filha Renata, na época com 15 anos, estava fazendo intercâmbio na cidade de Watertown, no estado de Nova York. Eu, meu marido (Romeu) e meus outros dois filhos (André e Flávia), combinamos de encontrar a Renata para aproveitarmos a época de fim de ano juntos. Nós chegamos a Nova York três dias antes do Natal.

Renata estava indo de Chicago até lá de trem. Quando chegamos à Penn Station, vimos nos informativos que o trem dela estava atrasado. Nada mais nada menos que 7 horas de atraso!!! Pense na neve durante o tempo de espera….

Depois de passar um tempo, o Romeu pediu para que nós fossemos até um balcão de informações. Ele não falava nada de Inglês, então pediu para que perguntássemos sobre o trem atrasado. Nós falamos que não precisava ir lá, pois era só olhar o painel, mas meu marido não se conformava! O André não aguentou essa pressão do pai e foi até o balcão, mas o cara só apontava para o painel, até chegar ao ponto de dizer “Sir, can’t you read???”. 

Resumindo, a Renata chegou e desceu na plataforma do andar de baixo, mas nós esperamos no de cima, então ela acabou não vendo ninguém, pegou um táxi e foi para o hotel. Naquela época, não tínhamos celular, então pense no desespero quando pedi informações sobre o trem e nada de encontrar a Re…

Depois disso, meu filho ligou para o hotel perguntando se alguém tinha nos procurado e a resposta foi “SIM”, ela estava nos aguardando no lounge. Ufa, deu tudo certo, afinal. 

Nessa mesma viagem, passamos o Réveillon em Ottawa. Fizemos reserva em um restaurante e, chegando lá, o maître perguntou para o Romeu: do you have a reservation?. A resposta dele foi “NO”, aí o André saiu correndo dizendo “Yes, yes, yes”. Confuso, meu filho perguntou “Pai, você disse NO. O que você entendeu?”. A resposta? “Ah, eu entendi que ele me perguntou se eu queria uma cerveja!”, ou seja, reservation virou “cervejation”. Foi muito engraçado!

Mas sabe de uma coisa? Viagem boa precisa desses acontecimentos engraçados. Viagem em família é tudo de bom! Até hoje rimos dessas situações. Espero que tenham gostado do meu relato assim como gostamos de viajar com a assistência da Labadee Tour!

Imagem: foto 5

Muito divertido o conto da Leninha, né? Se você tem histórias assim de viagens conosco ou até outros tipos de relatos, é só compartilhar conosco, para divulgarmos aqui no blog. Fale com a gente e aproveite para planejar suas próximas viagens.

1 Response
  1. Maricruz

    Leninha!! Adorei a sua história, na hora deve ter sido um pouco complicado, mas como vc disse é muito divertido e maravilhoso termos estas histórias para contar!! Parabéns e saudades de vc!!
    Bjus

Deixe seu comentário