(41) 3242.4089 contato@labadeetour.com.br

As melhores estações de esqui da América do Sul

O inverno se aproxima e nada melhor do que aproveitar a estação mais fria do ano da melhor maneira possível: na neve! E você não precisa esperar o inverno europeu para ter a melhor experiência na neve ou deslizar pelas melhores pistas de esqui: temos ótimas estações de esqui aqui perto de casa! Países como Argentina e Chile concentram ótimas opções. A Cordilheira dos Andes é o cenário perfeito para aventuras na neve e conta com diversas estações de esqui, para todos os gostos e perfis de viajantes.

Cerro Catedral, Argentina

Uma das estações de esqui mais tradicionais do mundo e ponto turístico principal de Bariloche. Cerro Catedral é uma opção de lazer para toda a família durante a temporada de neve sul-americana. A bela paisagem da Patagônia Argentina, recortada pelo lago Nahuel Huapi e com a Cordilheira dos Ande ao fundo, o Cerro Catedral está a mais de mil metros de altitude. São 1.200 hectares de área esquiável, divididos em 53 pistas para todos os níveis de praticantes.

Cerro Bayo, Argentina

A Villa la Angostura, também às margens do lago Nahuel Huapi, conta com ótima opção de centro de esqui. A 9 quilômetros da cidade, entre Bariloche e San Martin de Los Andes, o Cerro Bayo conta com excelentes pistas para todos os níveis de dificuldade, além e áreas fora da pista e ótima estrutura de atendimento.

Cerro Chapelco, Argentina

Em San Martin de los Andes, o Cerro Chapelco conta com 140 hectares de área e mais de 30 pistas de diversos níveis. A 1.980 metros acima do nível do mar, o Cerro tem 11 meios de elevação com capacidade de transportar até 18 mil esquiadores por hora. O complexo possui ainda um snow park e uma visão espetacular do Vulcão Lanín, quase na fronteira com o Chile.

Las Leñas, Argentina

Durante a temporada de neve, Mendoza concentra outra atração além dos vinhos: o excelente centro de esqui Las Leñas. Próximo à fronteira com o Chile, a 400 km da cidade, o centro já foi o maior complexo de inverno da América Latina. E continua sendo um dos melhores centros de esqui e snowboard do hemisfério sul. São 65 quilômetros esquiáveis divididos em 29 pistas, incluindo áreas com iluminação noturna. O centro conta com um luxuoso resort com todos os serviços tradicionais de um estabelecimento do segmento, incluindo um cassino, centro de compras e boates.

Cerro Castor, Argentina

A 26 quilômetros de Ushuaia, o centro de esqui Cerro Castor é um dos mais novos  da América do Sul. A estação de esqui mais austral do mundo tem suas vantagens. Lá a temporada de neve é mais longa, chegando até o começo de outubro. São mais 31 pistas espalhadas por 650 hectares esquiáveis contando com auxílio de magic carpets (esteiras) e 12 meios de elevação. O complexo também conta com áreas de esqui e snowboard fora das pistas, snow park e um jardim infantil, além de restaurantes e lanchonetes. Outra vantagem do Cerro Castor é o fato de ser forrado por neve powder – tipo de neve fresca, mais macia – que dá sensação de leveza para o esquiador.

Valle Nevado, Chile

A estação queridinhas dos brasileiros no Chile. A menos de uma hora de Santiago, Valle Nevado já valeria só pela paisagem espetacular dos Andes chilenos. A proximidade com a Cordilheira proporciona mais do que o cenário único: tem influência direta na qualidade da neve. A estação está a 3.160 metros de altitude e funciona desde a década de 1980. Atualmente, possui infraestrutura completa incluindo restaurantes, cafés e cinema. Além de piscinas, fitness center, hotel e um dos melhores resorts de inverno da América do Sul. Entre as principais atrações está o Andes Express, um dos teleféricos mais rápidos do mundo.

Portillo, Chile

Na fronteira entre Chile e Argentina, Portillo é um dos centros mais tracionais da América do Sul. Construído na década de 1940, o centro está a 2.456 metros de altitude e conta com 19 pistas. São 762 metros de desnível vertical, em uma estrutura completa com diversas opções de hospedagem e lazer. Localizado ao redor da Laguna del Inca, o centro recebe esportistas do mundo todo.

Nevado de Chillán, Chile

Nas encostas de um vulcão, rodeada por bosques encantados, Chillán é famosa por concentrar águas termas e pistas de esqui. O complexo está localizado a 450 quilômetros ao sul de Santiago e fica a 1.530 metros de altitude. Chillán também conta com uma das pistas mais longas de toda a América do Sul. A Três marias, com 13 quilômetros de percurso. Além das águas sulfurosas, a estação conta com diversas atrações como moto de neve, tirolesa, heliskiing, catskiing, trenos, entre outros.

 

Conheça as melhores estações para aproveitar a temporada de neve na América do Sul com a Labadee! Organizamos roteiros exclusivos para você desfrutar o melhor do inverno sul-americano.

Contate um de nossos consultores!

Deixe seu comentário